10 alimentos que seu cãozinho NÃO pode comer
16 Maio 2016

10 alimentos que seu cãozinho NÃO pode comer

Apesar de muitas vezes ser um desafio para os tutores negar algumas comidas aos cãezinhos, isso é mais que necessário. O veterinário precisa orientar os clientes que nem todos os alimentos dos humanos fazem bem para os cachorros. Alguns alimentos, na verdade, são muito perigosos! Por isso, é necessário que eles fiquem muito atentos para não deixar o pet comer alimentos proibidos.

Por mais que seja difícil resistir ao olhar pidão dos pets, o veterinário precisa insistir com os tutores para que eles não ofereçam alimentos inadequados. Afinal, as consequências para a saúde dos cães podem ser gravíssimas. Confira a seguir 10 alimentos que são proibidos para cães e você precisa alertar os seus clientes!

10 alimentos que são PROIBIDOS para cães

1 – Chocolate

Já ouviu falar em teobromina? Este é o elemento fatal contido no chocolate, que pode levar seu cão ao óbito. Embora nós humanos idolatremos o chocolate, e possamos até nos beneficiar de alguns dos seus efeitos, os animais devem ser restringidos de consumí-lo, pois isto poderá desencadear uma reação alérgica grave, além de diarreia, intoxicação e vômito.

2 – Bebidas alcoólicas 

Deixar o cãozinho dar uma lambida num copo que tinha caipirinha, por exemplo, já pode ser o suficiente para acarretar uma série de males ao animal. Desde dificuldades de respiração, até problemas de coordenação motora, o animal submetido ao consumo de álcool, por menor que seja a quantidade, pode entrar em estado de coma e morrer.

3 – Cafeína

Se no campo científico há controvérsias em relação ao consumo de cafeína por parte dos humanos, sobre os animais não há dúvidas. Muitos animais reagem à cafeína semelhante a um envenenamento, podendo provocar desde convulsões até sangramentos. Fique atenta não apenas ao café em si, mas também aos medicamentos que possuem cafeína em suas fórmulas, bebidas energéticas e refrigerantes.

4 – Ossos de galinha e frango

Um clássico da alimentação canina é o ossinho. Mas além de poder causar lesões na boca e até nos dentes, se o animal engolir um osso pontiagudo, pode ter problemas estomacais e hemorragia. Opte por ossos “fake”, encontrados nos pets shops e lojas especializadas.

5 – Frutas com sementes

As sementes de algumas frutas podem atingir em cheio o intestino delgado canino causando envenenamento e obstruções. Fique atento!

6 – Doces

Não apenas o chocolate, mas os doces em geral podem ser verdadeiros vilões. O problema está no componente “xilitol”, uma propriedade contida no açúcar que eleva picos de insulina, causando a insuficiência hepática.

7 – Abacate

Em 2009, a Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade contra os Animais incluiu o abacate na lista de alimentos proibidos. O problema dele é a “persin”, uma substancia tóxica e letal para cães.

8 – Alho e cebola

A dupla de temperos está no hall de substâncias proibidas para seu cãozinho. Pois, uma vez que ingeridos, causam falta de ar, falta de apetite, vômitos, apatia, fraqueza, até a destruição de células vermelhas no sangue do cachorro.

9 – Macadâmia

Aqui temos um dos piores alimentos quando nos referimos à alimentação animal. Tremores, paralisia, desequilíbrio cardíaco e envenenamento são alguns dos sintomas que estas nozes podem causar no seu bichinho. Cuidado!

10 – Uva e uva-passa

Uma simples uvinha também deve ser restrita e jamais consumida pelo seu animal. Apatia e insuficiência renal são algumas das mazelas que elas podem causar ao seu pet. Fuja das uvas.

 

Você já sabia de todos estes males que os alimentos mencionados causam nos bichinhos? Costumava alertar os tutores? Conte para gente! 

Leave a Reply